27°
Máx
13°
Min

PM suspeito de envolvimento em morte de segurança se apresenta

(Foto: Equipe COP / Jeferson Cascavel) - PM suspeito de envolvimento em morte de segurança se apresenta
(Foto: Equipe COP / Jeferson Cascavel)

O policial militar suspeito de matar o segurança de uma casa noturna na cidade de Palmeira, a 45 quilômetros de Ponta Grossa, se apresentou nesta segunda-feira (4) na sede do 2º Pelotão de Polícia Militar de Palmeira acompanhado do advogado para prestar esclarecimentos sobre a confusão. Ele deveria se apresentar hoje na delegacia da cidade para prestar depoimento à Polícia Civil.

Em nota encaminhada à imprensa, a assessoria de comunicação do 1º Batalhão de Polícia Militar (1º BPM) informou que o policial, que não teve o nome revelado, foi “afastado das atividades operacionais e desempenhará trabalho administrativo interno junto à Sede do 1º BPM, em Ponta Grossa, ficando à disposição da Justiça até que todas as circunstâncias do ocorrido em Palmeira sejam devidamente esclarecidas”.

O caso foi registrado no último domingo em uma casa noturna de Palmeira. Depois de uma confusão dentro do local, que fica às margens da BR-277, o segurança Sidnei Bastos, de 34 anos, foi morto com pelo menos quatro tiros. O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado, mas encontrou a vítima já sem vida. O autor dos disparos não foi encontrado, mas a PM logo recebeu a informação de que o suspeito seria um policial militar que integra o 1º BPM. A Polícia Civil investiga o caso.