26°
Máx
19°
Min

Polícia Civil abre 20 inquéritos para investigar onda de violência em Londrina

Tribuna da Massa - Polícia Civil abre 20 inquéritos para investigar onda de violência em Londrina
Tribuna da Massa

A Polícia Civil do Paraná abriu, até o momento, 20 inquéritos para apurar as mortes ocorridas em Londrina e região entre a noite de sexta-feira (29) e madrugada de sábado (30).

O órgão confirma 11 mortes e 15 pessoas feridas. A onda de violência teve início após a execução do policial militar Cristiano Luis Botino, 34 anos, morto a tiros por dois homens em uma moto nas proximidades do Lago Norte.

Os inquéritos estão sendo conduzidos por três delegados, entre eles o delegado- chefe da delegacia de homicídios de Londrina, Paulo Henrique Costa e outro deslocado de Curitiba. Testemunhas e vítimas estão sendo ouvidos.

Em nota enviada à redação, a assessoria de imprensa da Polícia Civil afirma que ainda não é possível tirar conclusões. “Todas as linhas de investigação estão sendo seguidas. Por hora, está descartado envolvimento com facção criminosa”. Até o momento não há qualquer indício, diz a nota.

Oito pessoas foram presas durante a força-tarefa, mas nenhuma com relação aos crimes registrados na noite violenta.