28°
Máx
17°
Min

Polícia Civil investiga suposto tarado que fica próximo à UEM observando mulheres em Maringá

A Delegacia da Mulher abriu um inquérito para investigar um homem que teria sido flagrado por várias mulheres que frequentam a Universidade Estadual de Maringá, masturbando-se próximo ao campus. Uma delas chegou a filmar o acusado e entregou o vídeo à polícia.

Segundo as testemunhas, o suspeito se excita, tocando o órgão sexual, enquanto olha mulheres. No vídeo flagrado por uma das vítimas, ele estava em um Palio Weekend branco com placas de Curitiba.

A Polícia Civil pede que outras vítimas passem novas denúncias para que o caso seja investigado e o acusado preso, se as acusações se confirmarem. É possível fazer denúncias sem se identificar pelo telefone (44) 3220-2507.

Mulheres que passam pela UEM temem que o tarado possa ir além, partindo para a violência sexual. A Polícia Militar orienta que nesses casos, o primeiro passo é buscar um local público de movimento para intimidar o maníaco.

Depois anotar características físicas, do veículo e chamar a polícia. Confira a matéria completa veiculada pela Rede Massa/TV Tibagi.