22°
Máx
16°
Min

Polícia Civil prende suspeitos de matar quatro pessoas da mesma família

Quatro pessoas foram detidas suspeitas de executar família há dois meses na cidade de Turvo (Foto: Blog do Eloi) - Polícia prende suspeitos de matar quatro pessoas da mesma família
Quatro pessoas foram detidas suspeitas de executar família há dois meses na cidade de Turvo (Foto: Blog do Eloi)

Depois de quase dois meses de investigações, a Polícia Civil conseguiu esclarecer o assassinato de quatro pessoas na cidade de Turvo (200 quilômetros de Ponta Grossa) no fim do mês de junho. Na noite do dia 26 daquele mês, quatro pessoas foram mortas a tiros e facadas em uma propriedade rural.

Quatro pessoas foram presas suspeitas de envolvimento nos homicídios de Sebastião Fernandes Barreto, de 60 anos, Josefa Lopes Stempniak, de 66 anos, João Stempniak Filho, de 47 anos, e Odete Maria Moraes, de 40 anos. Após o crime, os bandidos arrastaram os corpos para dentro da casa e atearam fogo na residência. Três corpos foram achados no dia seguinte e a quarta vítima só foi encontrada no dia 28.

Os investigadores identificaram o ex-genro de Josefa e ex-convivente também da neta dela como sendo o mentor e mandante do crime. O suspeito, que não teve a identidade revelada, confessou o crime e entregou o nome e o paradeiro dos outros três comparsas, que teriam recebido R$ 5 mil para auxiliar no crime.

O motivo para o crime bárbaro seria o fato de Josefa ser contra o relacionamento do mandante com sua neta adolescente. O alvo principal, segundo a polícia, era o casal de idosos, mas como havia mais um casal na residência, eles também foram executados.

Os suspeitos foram presos na cidade de Inácio Martins por meio do cumprimento de mandados de prisão e foram encaminhados até uma unidade prisional de Guarapuava.

Colaboração Blog do Eloi.