26°
Máx
19°
Min

Polícia prende suspeito de abusar de três adolescentes em Teixeira Soares

Mandado de prisão contra o suspeito foi cumprido pela Polícia Civil nesta quinta-feira (Foto: Divulgação / Polícia Civil) - Suspeito trancava família no quarto para abusar de adolescente
Mandado de prisão contra o suspeito foi cumprido pela Polícia Civil nesta quinta-feira (Foto: Divulgação / Polícia Civil)

Depois de denúncias do Conselho Tutelar de Teixeira Soares, a Polícia Civil concluiu o inquérito e conseguiu prender um homem suspeito de abusar das duas filhas e de uma amiga delas. As três vítimas são menores de idade. As denúncias chegaram à polícia no fim do mês de janeiro. A investigação foi concluída e a Justiça expediu o mandado de prisão, que foi cumprido nesta quinta-feira (11). O nome dele e o local onde a família mora não foram revelados pela polícia para preservar a integridade das vítimas.

De acordo com a Polícia Civil, uma das filhas de suspeito, de 13 anos, negou ter sido vítima de abuso. Contudo, sua irmã mais nova, de 12 anos, confirmou que foi abusada pelo próprio pai até 2012, quando ainda tinha nove anos. A amiga das garotas, que também tem 13 anos, revelou às autoridades que o homem praticava abuso sexual contra ela desde o fim do ano passado até as últimas semanas.

Ainda segundo a polícia, não houve o ato sexual mas, como as vítimas ainda são adolescente, o caso é enquadrado como estupro de vulnerável.

Conforme apontaram as investigações, a amiga ia até a casa das irmãs para brincar e costumava passar a noite com as meninas. O suspeito aproveitava essas oportunidades para agir. Ele trancava a porta do quarto em que a esposa e as filhas dormiam para impedir que elas saíssem do cômodo. O suspeito passava a noite assistindo TV e abusando sexualmente da amiga das filhas. A menina disse aos policiais que era ameaçada para não contar nada para a polícia.

A mãe das meninas disse que nunca desconfiou do crime porque trabalha na lavoura e costuma dormir cedo. Ela ainda disse que, algumas vezes, teve que pedir para o marido destrancar a porta do quarto durante a madrugada quando queria tomar água ou usar o banheiro.

O suspeito foi preso e já foi interrogado. Ele segue na delegacia da Polícia Civil de Teixeira Soares. As filhas dele passaram os últimos dias em um abrigo para garantir a segurança.

Colaboração Rádio Najuá.