26°
Máx
19°
Min

Policiais civis aprovam greve a partir de segunda-feira em Maringá

Em assembleia realizada no fim da tarde de terça-feira (11), os policiais civis de Maringá aprovaram greve a partir da próxima segunda-feira (17). O mesmo aconteceu em Apucarana, Londrina e Ponta Grossa. Apenas a Subdivisão Policial de União da Vitória não deve aderir à paralisação.

Os policiais civis decidiram entrar em greve diante do projeto de reajuste fiscal enviado pelo governador Beto Richa (PSDB) à Assembleia Legislativa do Paraná, um dia depois das eleições municipais.

A matéria suspende o pagamento da data-base prevista para janeiro de 2017, compromisso firmado em 2015 que deu fim à greve dos servidores da educação, que durou cerca de três meses.

Os servidores veem a suspensão do reajuste como calote e, por isso, decidiram pressionar o governo. Além dos policiais civis, professores universitários e dos ensinos médios e fundamental também já aprovaram greve.

Colaboração Brenda Caramaschi da Rede Massa