24°
Máx
17°
Min

Policiais civis também cruzam os braços no sudoeste

A delegacia de Francisco Beltrão amanheceu com portas fechadas. Na grade, faixas explicando os motivos da mobilização. Segundo a classe, o indicativo de paralisação foi aprovado em assembleias em todo o estado. A ação desta segunda-feira (1º)é para chamar a atenção para os problemas que estão sendo enfrentados pelos policiais.

Entre as principais reivindicações da categoria está a contratação de novos servidores. Segundo eles, o quadro de funcionários está defasado há muitos anos, principalmente no cargo de escrivão.

O Sindicato reivindica ainda a votação do estatuto da classe e pede por melhores condições de trabalho com a renovação dos equipamentos e a retirada dos presos das delegacias. Mesmo sendo estabelecido apenas como paralisação de 24 horas, a classe não descarta a possibilidade de greve nos próximos dias.

Colaboração Monique Sfoggia, da Rede Massa.