22°
Máx
17°
Min

Prefeito de Rio Bonito do Iguaçu devolve R$ 14,5 mil de diárias irregulares

(Foto: Divulgação) - Prefeito devolve R$ 14,5 mil de diárias irregulares
(Foto: Divulgação)

O Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) julgou regular com ressalva o pagamento de diárias e ressarcimentos de despesas pela administração municipal de Rio Bonito do Iguaçu (129 quilômetros de Guarapuava), no valor de R$ 12.900, em 2014. O prefeito, Irio Onélio de Rosso (gestão 2013-2016), responsável pela irregularidade, devolveu o valor integral gasto com as diárias, devidamente corrigido desde a data dos pagamentos, que totalizou R$ 14.558,71.

O processo de tomada de contas extraordinária foi instaurado porque técnicos do Tribunal apontaram, em comunicação de irregularidade, que houve o pagamento de diárias em quantidade elevada, desrespeitando os princípios administrativos. A identificação dos registros ocorreu por meio do Procedimento de Acompanhamento Remoto (Proar). O Proar é uma ferramenta informatizada utilizada pelo Tribunal para o acompanhamento dos atos de gestão dos órgãos. O principal objetivo do Proar é impedir a continuidade ou até mesmo prevenir a ocorrência de irregularidades.

O prefeito reconheceu o erro no pagamento das diárias e devolveu os valores. A Coordenadoria de Fiscalização Municipal do TCE-PR (Cofim), antiga DCM, responsável pela instrução do processo, manifestou-se pela regularidade com ressalva em relação aos pagamentos indevidos, cujos valores foram devolvidos.

Colaboração Assessoria de Imprensa.