22°
Máx
17°
Min

Prefeitura de Londrina define onde vai gastar os R$ 25 milhões da Sanepar

(foto: Sanepar/Divulgação) - Prefeitura define onde vai gastar os R$ 25 milhões da Sanepar
(foto: Sanepar/Divulgação)

O prefeito de Londrina, Alexandre Kireeff (PSD), enviou à Câmara de Vereadores projeto de lei que altera a lei orçamentária anual e acrescenta um crédito de R$ 25 milhões para a secretaria de Obras.

O recurso faz parte do Fundo Municipal de Saneamento Básico e Desenvolvimento Sustentável, estava previsto no contrato de 30 anos estabelecido com a Sanepar, e equivale a 2% da receita operacional líquida da companhia.

Segundo o projeto, os R$ 25 milhões serão usados em obras de drenagem urbana, com a construção de 22,4 quilômetros de galerias pluviais.

O desenvolvimento da cidade fez com que o sistema de drenagem urbana se tornasse insuficiente diante de fortes chuvas como a registrada em janeiro deste ano em Londrina, provocando enxurradas, alagamentos, desmoronamentos e erosões.

"Obras de pequeno, médio e grande porte, como aumento na rede de galerias pluviais, reparos, aumento no dimensionamento das galerias deverão ser executadas em todas as bacias e regiões da cidade, independente do que a Sanepar vier a fazer com relação à macrodrenagem nas bacias a que estiver obrigadada por contrato a intervir", justifica o Executivo. "É uma oportunidade de resgatar uma dívida social de grande impacto sobre a sociedade", complementa.

O projeto foi protocolado na semana passada e deve ser analisado pelas comissões do Legislativo assim que a Câmara voltar do recesso.