22°
Máx
14°
Min

Professores municipais protestam na Prefeitura de Curitiba

(Foto: Divulgação Sismmac) - Professores municipais protestam na Prefeitura de Curitiba
(Foto: Divulgação Sismmac)

Na véspera da volta às aulas da rede municipal de ensino, professores fazem na tarde desta segunda-feira (25) um protesto em frente a Prefeitura de Curitiba. Eles estão reunidos com a secretária de Educação, Roberlayne de Oliveira Borges Roballo, para reclamar dos cortes anunciados antes das férias.

De acordo com a categoria, as mudanças anunciadas pela Prefeitura de Curitiba devem prejudicar a volta às aulas, agendada para amanhã (26). “Classes especiais serão fechadas, cortaram o Regime Integral de Trabalho (RITs) nas bibliotecas e as professoras não poderão ficar nas bibliotecas. A gente entende que a biblioteca não é só um local para a troca de livros, tem todo um trabalho pedagógico”, explica a diretora do Sindicato dos Servidores do Magistério Municipal de Curitiba (Sismmac), Siomara Kulicheski.

“Abrimos mão do nosso último dia de recesso para estar aqui fazendo reivindicações por conta dos cortes que a prefeitura anunciou um dia antes do recesso”, comentou a diretora.

Na última sexta-feira (22), o portal Massa News alertou sobre os problemas que diretores, professores e funcionários das escolas municipais devem enfrentar na volta às aulas com o corte do RIT. Além de comprometer o atendimento aos alunos, o receio dos profissionais é a sobrecarga de trabalho, pois as equipes nas escolas deverão ficar reduzidas.