22°
Máx
17°
Min

Projeto garante carteira de identidade para estudantes da rede pública

(Foto: Divulgação/Sejusp-MS) - Projeto garante carteira de identidade para estudantes da rede pública
(Foto: Divulgação/Sejusp-MS)

Um projeto estadual pretende garantir a carteira de identidade a todas as crianças e adolescentes matriculados em escolas da rede pública estadual e municipal do Paraná, por meio da coleta de impressões digitais por biometria. Também serão incluídos no projeto adolescentes internados em Unidades Socioeducativas e recém-nascidos em maternidades do Estado.

A intenção do Governo Estadual é que o projeto comece a ser implementado a partir de maio. Inicialmente, os municípios que já têm postos informatizados serão os primeiros a receber a iniciativa, porque já tem a estrutura para fazer a carteira de identidade por biometria. Depois que os demais equipamentos forem comprados, o projeto será implantado em todo o estado.

Ao todo, são 26 municípios que já podem participar do projeto: Apucarana, Bocaiúva do Sul, Pinhais, Rio Branco do Sul, Araucária, Campo Mourão, Cascavel, Cornélio Procópio, Curitiba, Foz do Iguaçu, Francisco Beltrão, Guarapuava, Jacarezinho, Laranjeiras do Sul, Londrina, Maringá, Paranaguá, Paranavaí, Pato Branco, Ponta Grossa, Telêmaco Borba, Guaíra, Toledo, Umuarama, São Mateus do Sul e União da Vitória.

De acordo com o Governo, a medida pode assegurar os direitos de cidadania das crianças e dos adolescentes, além de fortalecer a rede de segurança pública contra desaparecimentos. Será feito um investimento de R$ 2.980.108,07 retirado do Fundo da Infância e Adolescência (FIA). O valor será destinado à compra de 384 equipamentos para todos os municípios que ainda não tem a biometria.