23°
Máx
12°
Min

Projeto piloto busca modernizar coleta seletiva de lixo

(Foto: Divulgação / Prefeitura) - Projeto piloto busca modernizar coleta seletiva de lixo
(Foto: Divulgação / Prefeitura)

A área central de Francisco Beltrão começou a receber nesta segunda-feira (14) novas lixeiras em um projeto piloto da Secretaria de Meio Ambiente que pretende modernizar a coleta de resíduos. Cerca de 90 lixeiras contêineres estão sendo instaladas na avenida Julio Assis Cavalheiro e imediações, em um modelo que deverá ser expandido futuramente.

A Prefeitura está investindo R$ 120 mil para implantar o sistema e nos primeiros dias a Secretaria de Meio Ambiente irá identificar falhas e realizar adaptações para melhorar a coleta do lixo residencial, que até então era deixado na calçada.

“As lixeiras vão permitir que os moradores tenham um local adequado para acondicionar o lixo, separando os recicláveis dos orgânicos, ao invés de depositar tudo na calçada. Isso, claro, pode sofrer algumas alterações nas próximas semanas, principalmente com relação ao posicionamento das lixeiras, mas a coleta continua nos mesmos dias e horários”, explica o secretário da pasta, Dalmir ‘Guinho’ Tonello.

Os caminhões que farão a coleta na área também foram equipados com mecanismo que permitirá bascular os resíduos através de um sistema hidráulico, possibilitando maior eficiência e menos riscos aos coletores. As lixeiras ocuparão espaço no estacionamento e serão devidamente sinalizadas após o período de adaptação.

A novidade, segundo o prefeito Cantelmo Neto, irá melhorar a coleta de resíduos na cidade. “Estamos apostando neste tipo de modernização, que necessita menos mão de obra, reduz o fluxo dos caminhões na área central e agiliza a coleta. Temos que fazer a nossa parte para que a cidade fique cada vez mais limpa e os mecanismos de recolhimento dos resíduos mais práticos e eficientes”, destacou o prefeito.

Atualmente são coletadas cerca de 58 toneladas de resíduos orgânicos em Beltrão todos os dias. O material é destinado ao aterro sanitário mantido pelo município; já os produtos recicláveis são recolhidos pela Coleta Seletiva, serviço feito pela Associação de Catadores de Papel em parceria com a Prefeitura.

Colaboração Assessoria de Imprensa.