22°
Máx
17°
Min

Proprietário de terreno abandonado pode receber multa de até R$ 6 mil

82 proprietários de terrenos já foram notificados em 2016 (foto: Paulo Cordeiro) - Proprietário de terreno abandonado pode receber multa de até R$ 6 mil
82 proprietários de terrenos já foram notificados em 2016 (foto: Paulo Cordeiro)

Desde o início do ano, a Prefeitura de Araucária, por meio da Secretaria de Urbanismo, já notificou 82 proprietários de terrenos abandonados no município. Entre os casos mais comuns estão o de terrenos com mato alto e/ou com lixo. Após notificado, o responsável tem 15 dias para realizar a limpeza do terreno. Caso não cumpra a determinação, há possibilidade de multa de até R$ 6 mil.

Segundo a Secretaria de Urbanismo, os moradores que queiram fazer denúncia devem formalizá-la junto à Ouvidoria do município: seja se dirigindo ao Espaço do Cidadão (das 9h às 12h e das 13h30 às 16h30), no telefone: 0800-643-1550 (ligação gratuita) ou por meio do e-mail: ouvidoria@araucaria.pr.gov.br.

Em tempos de preocupação com a proliferação de aedes aegypti, o transmissor da dengue, zika vírus e chikungunya, a Prefeitura está intensificando o trabalho para que focos de mosquito sejam eliminados. Agentes de combate a endemias e agentes comunitários de saúde estão visitando residências e estabelecimentos comerciais para vistoriar e orientar as pessoas sobre cuidados a serem tomados.

Disque Dengue

Araucária conta com um serviço telefônico para esclarecer dúvidas e receber pedidos de vistoria relacionadas a suspeitas de focos de aedes aegypti. O telefone é 0800-643-3005. Os agentes de combate a endemias, que estão visitando as residências, são identificados com colete verde com a inscrição de Agente de Combate a Endemias nas costas, crachá azul da Secretaria Municipal de Saúde e bolsa. Caso o morador tenha qualquer dúvida sobre a identificação do agente, ele pode ligar para o 0800 já citado e confirmar as informações. Já os agentes comunitários de saúde, que também fazem parte da mobilização contra o aedes, usam camiseta de identificação e, como estão sempre na comunidade, são pessoas mais conhecidas dos moradores. Internamente, a Prefeitura também tem se articulado para verificar espaços sobre sua responsabilidade bem como orientar seus servidores.


Colaboração Assessoria de Imprensa da Prefeitura.