24°
Máx
17°
Min

Quadrilha assalta banco e faz reféns para isolar área com ‘cordão humano’

Moradores de Ortigueira, a 143 quilômetros de Ponta Grossa, foram surpreendidos com a ação ousada de uma quadrilha em plena luz do dia. Eles assaltaram o banco Bradesco, na área central da cidade. Armados com fuzis, os criminosos fecharam a rua da agência com carros e usaram um ‘cordão humano’ para isolar o local do crime.

Quadrilha assalta banco e faz reféns para isolar área com ‘cordão humano’

Comerciantes que trabalham na Avenida Brasil, onde a agência está localizada, disseram que toda a ação durou menos de cinco minutos. Os reféns foram colocados dos dois lados da rua para impedir que a polícia agisse. Os moradores da região dizem ter ouvido barulhos de tiros, mas afirmam que não houve explosões. Ainda segundo testemunhas, os criminosos fugiram com alguns reféns amarrados em uma caminhonete – possivelmente uma Ecosport.

As polícias Civil e Militar de Ortigueira não foram encontradas. A PM de Telêmaco Borba confirmou o assalto, mas não passou mais informações e disse apenas que as equipes estão nas ruas para fazer as buscas pelos criminosos. Não há a confirmação de feridos ou de troca de tiros no local.