22°
Máx
14°
Min

Quadrilha ataca agência bancária e faz mais de 30 reféns

Quadrilha ataca agência bancária e faz mais de 30 reféns

A madrugada foi de terror na cidade de General Carneiro, a 179 quilômetros de Pato Branco. Uma quadrilha fortemente armada com espingardas calibre 12 e 556 atacou a agência do Banco do Brasil, que fica na rua Getúlio Vargas, na área central da cidade. Cerca de 30 pessoas foram feitas reféns, mas não há registro de feridos. Os bandidos fugiram e ainda não foram encontrados.

Segundo informações repassadas pela Polícia Militar, entre 10 e 15 bandidos atacaram a agência, e vizinhos escutaram duas explosões. A quadrilha atacou apenas os cofres da agência, mas a polícia não informou se os ladrões conseguiram levar dinheiro. Durante a ação, os criminosos abordaram um ônibus de Santa Catarina que passava pelo local. Os passageiros foram obrigados a desembarcar e formaram ‘escudos humanos’ para proteger o banco enquanto os criminosos agiam. Logo após o roubo, que durou cerca de 20 minutos, os reféns foram liberados e os criminosos fugiram.

De acordo com a PM, antes de atacar o banco, os ladrões atiraram contra o destacamento da polícia, mas não atingiram nenhuma viatura ou policial. Eles também renderam um caminhoneiro, estouraram os pneus do veículo e deixaram-no atravessado na BR-153 para impedir a chegada de equipes policiais das cidades vizinhas.

 Depois que a quadrilha foi embora, efetivo policial de toda a região foi acionado para patrulhar estradas rurais que possam ter sido usadas na fuga, mas ainda não há informações sobre o paradeiro dos criminosos.