27°
Máx
13°
Min

Quadrilha internacional instalada em Londrina movimentou mais de US$ 10 milhões

(foto: PF/Divulgação) - Operação da PF: Londrina tinha núcleo 'logístico' de drogas
(foto: PF/Divulgação)

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta quarta-feira (29), a Operação Quijarro, com objetivo de desarticular uma quadrilha internacional de tráfico de drogas que tinha sede em Londrina. Estão sendo cumpridos 81 mandados de prisão, busca e apreensão de imóveis e veículos na cidade e em Araucária, Corumbá (MS), Martinópolis, Presidente Prudente e São Paulo (SP).

Segundo a PF, Londrina era sede de uma parte da quadrilha que organizava a logística do tráfico. Duas pessoas foram presas na cidade.

As investigações começaram em janeiro de 2015. Cerca de duas toneladas de cocaína entravam por mês no país, transportadas em caminhões com fundos falsos. Durante os trabalhos, foram apreendidas mais de três toneladas de cocaína e cerca de US$ 10 milhões de dólares.

O volume movimentado pela quadrilha, no entanto, deve ser muito maior. Já foram sequestrados sete imóveis e bloqueadas diversas contas bancárias dos investigados.