22°
Máx
17°
Min

Responsável por morte de menina atropelada na CIC se apresenta na polícia

O responsável pelo atropelamento que causou a morte de uma menina de 12 anos na última quarta-feira (6), no Conjunto Vitória Régia, na Cidade Industrial de Curitiba, se apresentou na Delegacia de Delitos de Trânsito (Dedetran) para prestar depoimento. Ele disse que estava sendo seguido por uma motocicleta quando perdeu o controle do carro e atingiu a menina. O depoimento aconteceu nesta quinta-feira (7), após o carro ser identificado.

O delegado Vinícius Augustus de Carvalho, titular da Dedetran, informou à reportagem do Massa News nesta sexta-feira (8) que o carro está no nome da esposa do condutor responsável pelo atropelamento. O casal compareceu na delegacia e ainda levou o veículo, que ficou danificado no acidente. “Ele relatou que não parou para prestar socorro por medo de represálias”, indicou.

Responsável por morte de menina atropelada se apresenta na polícia

De acordo com Carvalho, além de não ter socorrido a vítima, o homem escondeu o carro em guincho em Araucária após o acidente. Ele e a mulher também são moradores do Conjunto Vitória Régia. “A identificação aconteceu após informações recebidas pela polícia, a partir da divulgação das imagens do carro, e também por dados coletados pela equipe da delegacia no local do acidente. Agora, vamos ouvir mais duas testemunhas na semana que vem e aguardar o laudo de necropsia".

Carvalho explicou que o casal foi ouvido e liberado em seguida, pois não havia mais a situação de flagrante.