26°
Máx
19°
Min

Reunião tenta definir solução para Pronto Socorro interditado

Reunião tenta definir solução para Pronto Socorro interditado

Uma reunião entre representantes da saúde ocorre neste momento, para definir a solução para a falta de leitos no Hospital Municipal de Foz do Iguaçu.

Na noite de ontem (23) o Pronto Socorro foi interditado pela direção do hospital, sob a alegação de falta de leitos. Pelo menos sete pacientes aguardavam vaga no local.

Na reunião desta manhã, participam representantes do Samu, Siate, Ministério Público, Secretaria de Saúde e a direção do Hospital Municipal.

Uma solução imediata encontrada ainda na noite de ontem, foi a transferência de dois pacientes para o Hospital Cataratas.

Com a desocupação dos dois leitos, agora são dois novos pacientes que podem ser atendidos pela unidade. Também foi confirmado pela direção, a transferência de uma pessoa para um hospital de Guarapuava, no entanto, a vaga já foi ocupada por outra pessoa que aguardava em uma ambulância, vítima de um acidente de trânsito.

A direção deve falar no fim da manhã sobre as medidas adotadas.

Colaboração: Márcio Falcão / Rede Massa