22°
Máx
16°
Min

Rodonorte e Governo do Paraná iniciam duplicação da BR-376 em Tibagi

Obras da CCR RodoNorte na duplicação estão em quatro pontos diferentes da Rodovia do Café (Foto: Divulgação) - Rodonorte e Governo do Paraná iniciam duplicação da BR-376 em Tibagi
Obras da CCR RodoNorte na duplicação estão em quatro pontos diferentes da Rodovia do Café (Foto: Divulgação)

Maior obra rodoviária em andamento no Paraná, a duplicação da BR-376 começou mais uma frente de obras nesta semana. Em parceria com o Governo do Estado, a CCR RodoNorte iniciou os trabalhos na frente Tibagi, que fica entre os quilômetros 431 (região do Alto do Amparo) e 441 (trevo de acesso para BR-153); é a quarta frente de obras em andamento ao longo da rodovia. Além dos trabalhos em Tibagi, a concessionária também realiza obras nas frentes Ortigueira, Califórnia e Contorno Sul de Apucarana.

Na frente Tibagi, além dos 10 quilômetros previstos para a duplicação, os trabalhos ainda preveem a construção de um viaduto e também correção horizontal e vertical de curvas. Nestas primeiras semanas de trabalho, as equipes da CCR RodoNorte realizam a limpeza e a terraplanagem do trecho que receberá a nova pista da Rodovia do Café, partindo da região do Alto do Amparo e seguindo no sentido Ponta Grossa.

“O início das obras na frente Tibagi representa, além de mais um avanço na duplicação da BR-376, mais uma oportunidade de emprego e renda para os trabalhadores da região. É importante lembrar que, até o fim deste ano, já estaremos com cinco frentes de obras em andamento”, ressalta José Alberto Moita, presidente da CCR RodoNorte, destacando o início das obras também na frente Imbaú, previsto para o mês que vem.

Mais empregos, investimentos e segurança

Juntamente com os trechos em obras, a duplicação da BR-376 já foi concluída em 21 quilômetros de rodovia entre Ponta Grossa e Tibagi, dos quilômetros 476 ao 456. A conclusão dos primeiros 11 quilômetros da duplicação, inclusive, já apresenta números extremamente positivos: no primeiro ano de operação, o trecho da saída de Ponta Grossa para o Norte do Estado apresentou redução superior a 50% no número de feridos em acidentes.

Os outros 10 quilômetros já duplicados - na região que passa pela cervejaria AmBev - foram liberados ao tráfego no mês passado: juntamente com a nova rodovia, foram entregues obras como viadutos, pontes e uma nova trincheira para retorno em desnível dos veículos que circulam pela região.

Colaboração Assessoria de Imprensa.