21°
Máx
17°
Min

Saúde confirma 11 casos de dengue em Guarapuava

São três casos contraídos no município e outros oito ‘importados’ (Foto: Divulgação / Rede Massa) - Saúde confirma 11 casos de dengue em Guarapuava
São três casos contraídos no município e outros oito ‘importados’ (Foto: Divulgação / Rede Massa)

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) confirmou nesta quarta-feira (17), no mais recente boletim com os dados sobre a dengue no Paraná, que a cidade de Guarapuava, na região central do Estado, registrou 11 casos da doença. Foram três casos contraídos no município e outros oito casos importados.

De acordo com o diretor da 5ª Regional de Saúde de Guarapuava, Marcio Brunsfeld, as ações do Exército no município terminam hoje. As visitas aos domicílios feitas pelos militares e por agentes de zoonoses do município contaram com mais de 300 pessoas e passaram pelas regiões com o maior índice de infestação. “A gente não cansa de repetir, são cuidados básicos: se choveu, dá uma olhada no entorno da casa, procure lugares que podem acumular água, como os potes dos cachorros, vasos, pneus”, comenta.

Segundo informações a 5ª Regional, o bairro Bonsucesso possui o maior índice de focos do mosquito Aedes egypti, vetor da dengue, febre chikungunya e zika. A equipe de reportagem da Rede Massa encontrou muita água acumulada na obra de uma pista de bicicross realizada pela Prefeitura. A assessoria de comunicação do governo municipal explicou que, por causa das chuvas, a água ficou parada em cima de uma área pavimentada.

“Equipes da Surg fizeram uma vistoria no local da tarde dessa quarta-feira (17) (…) É preciso que [a água] seja escoada, pelo nível da vazão da obra. Dessa forma, como é de conhecimento de todos, na tarde dos últimos dias têm chovido forte em Guarapuava, assim como aconteceu na madrugada de terça-feira (16), para quarta-feira (17). Mas a pista, que está passando por reformas, tem plenas condições estruturais para escoar a água, na medida do possível, se não estiver chovendo”, diz o comunicado da Prefeitura.

Colaboração Ângelo Neto, da Rede Massa.