22°
Máx
16°
Min

Saúde confirma primeiro caso de raiva em cachorro deste ano

A Secretaria Municipal de Saúde de Maringá confirmou o primeiro caso de raiva em um cachorro, neste ano de 2016. O animal esteve em Macapá (AP) e teria sido contaminado na viagem ao Norte do país. A suspeita surgiu em fevereiro juntamente com a confirmação do primeiro caso de morcego com raiva. Desde 2013, já são 13 morcegos infectados em Maringá.

Para impedir a propagação do vírus da raiva, o Centro de Controle de Zoonoses está identificando e medicando todos os animais e pessoas que tiveram contato com o cachorro infectado.  

O município ainda emitiu um alerta aos moradores de Maringá. A orientação é para evitar contato com animais desconhecidos, sejam cachorros, gatos, quatis, macacos ou outros mamíferos. O cuidado deve se dar também com morcegos, especialmente se estiverem caídos e desorientados, possíveis sintomas de raiva.

Caso uma pessoa tenha contato com um animal supostamente infectado deve procurar imediatamente uma unidade de saúde.

Com informações da Prefeitura de Maringá.