22°
Máx
17°
Min

Sede da CUT-PR é alvo de novos ataques

(Foto: Divulgação/CUT) - Sede da CUT-PR é alvo de novos ataques
(Foto: Divulgação/CUT)

A sede da Central Única dos Trabalhadores em Curitiba foi alvo de um novo ataque na noite desta quinta-feira (17). De acordo com a CUT, por volta das 22h, uma pessoa atirou rojões contra a sede da entidade e, em seguida, fugiu. A Polícia Militar foi acionada, mas não encontrou o responsável pelo atentado. Segundo a CUT, ninguém se feriu.

O ataque é o segundo em menos de 24 horas. Nesta quinta, o local amanheceu com os muros pichados e com uma das portas de vidro da entidade quebrada por pedras que foram jogadas no início da madrugada. Nessa situação, também ninguém se feriu.

Em nota, a Central afirmou que “entende a manutenção do Estado Democrático de Dreito, bem como o exercício da livre manifestação.” Mas ressaltou que as autoridades devem estar atentas “ao crescimento da onda de violência contra movimentos sociais e setores populares da sociedade.”

Nesta sexta-feira (18), está sendo organizado pela CUT-PR uma manifestação em apoio a Dilma Roussef e ao ex-presidente Lula. A concentração acontece a partir das 18h, na praça Santos Andrade, em Curitiba. Até o momento, quase duas mil pessoas confirmaram presença no evento criado no Facebook.