24°
Máx
17°
Min

Segurança reage a assalto, atira em bandido, mas acaba morto

Bandido morreu ainda no local do tiroteio e segurança foi levado com vida ao hospital, mas morreu pouco depois (Foto: Divulgação / Alex Durski) - Segurança e suspeito de assalto morrem em troca de tiros
Bandido morreu ainda no local do tiroteio e segurança foi levado com vida ao hospital, mas morreu pouco depois (Foto: Divulgação / Alex Durski)

Uma troca de tiros em frente a uma panificadora na área central de Telêmaco Borba, a 135 quilômetros de Ponta Grossa, acabou com a morte de duas pessoas. Um segurança reagiu ao assalto e conseguiu matar o suspeito, mas acabou baleado no confronto e morreu pouco tempo depois, enquanto recebia atendimento no Hospital Doutor Feitosa.

O vigilante de 85 anos percebeu o homem invadindo o local, que fica na Avenida Paraná e, armado com uma faca, partiu para cima do suspeito. Ele conseguiu atingir o suspeito e pegou um revólver que estava com ele, atirando pelo menos uma vez contra o ladrão. Depois de ser ferido, o bandido ainda conseguiu sacar outro revólver que estava na cintura e atirou três vezes contra o segurança.

Daniel Rodrigues, de 30 anos, morreu ainda no local do crime, do lado de fora da panificadora. O segurança, identificado como José Henrique da Silva, foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado em estado grave até o Hospital Doutor Feitosa, mas não resistiu aos ferimentos e morreu pouco tempo depois. Os corpos foram levados ao Instituto Médico Legal (IML) de Ponta Grossa. A Polícia Civil instaurou inquérito para apurar o caso.