22°
Máx
17°
Min

Sem nova proposta, bancários continuam em greve

(Foto: Joka Madruga/SEEB Curitiba) - Sem nova proposta, bancários continuam em greve
(Foto: Joka Madruga/SEEB Curitiba)

Em reunião na tarde desta terça-feira (13), a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) não apresentou proposta, e o Comando Nacional dos Bancários decidiu manter a greve da categoria. Uma nova negociação pode ser feita nesta quarta-feira (14), mas enquanto isso, a paralisação continua em todo o país.

Na última sexta-feira (9), a Fenaban ofereceu aos bancários reajuste de 7% nos salários e benefícios e abono de R$ 3,3 mil, a ser pago 10 dias após a assinatura do acordo.

Os bancários, no entanto, pedem reajuste de 14,78% (5% de aumento real, mais a correção da inflação), 14º salário e participação nos lucros e resultados de R$ 8.297,61, entre outras demandas.

A greve dos bancários começou terça-feira passada (6). De acordo com a Federação dos Trabalhadores em Empresas de Crédito do Paraná (FETEC-CUT-PR), são mais de 15 mil trabalhadores paralisados em 735 agências e oito centros administrativos em todo o estado.