21°
Máx
17°
Min

Servidores da educação aprendem sobre primeiros socorros

(Foto: Divulgação / Prefeitura) - Servidores da educação aprendem sobre primeiros socorros
(Foto: Divulgação / Prefeitura)

O projeto ‘Samu Escola – Educar para mudar’, colocado em prática no ano passado, inicia as atividades de 2016. Para abrir as agendas das palestras, os organizadores do programa realizaram um treinamento teórico e prático sobre primeiros socorros para 120 assistentes de educação infantil da rede municipal de ensino.

O treinamento foi dividido em duas turmas, a primeira na manhã de hoje (23) e a segunda no período da tarde. Além dos temas ligados aos atendimentos primários, informações de prevenção e de orientação de quando e como chamar o Samu, os palestrantes instruíram sobre técnicas e procedimentos mais adequados para casos de convulsão, obstrução de vias aéreas e aprenderam também a fazer massagem cardíaca. “É de extrema importância que nossos profissionais saibam e se sintam seguros para realizar o primeiro atendimento até que os profissionais do Samu cheguem”, diz a coordenadora do programa Saúde na Escola pela Secretaria de Educação, Jucilene Thomaz.

O projeto tem a intenção de multiplicar o conhecimento, fazendo com que a informação chegue mais rápida a todos. Para Rosangela Ribeiro Silva, funcionária do Samu e idealizadora do projeto, a equipe pedagógica tem papel fundamental na hora de realizar os primeiros socorros dentro do ambiente escolar. “Pode acontecer com qualquer um e em qualquer lugar e porque não deixar os profissionais da educação orientados e aptos para realizar o primeiro atendimento? Assim, além de estarem preparados para situações emergenciais, já saberão como deve ser realizado o procedimento corretamente”, comenta.

Todas as instituições que tiverem interesse em receber capacitação dos profissionais do Samu devem entrar em contato pelo telefone (42) 3901-1896 e entregar um ofício solicitando os profissionais, na rua Coronel Dulcídio, 30.

Colaboração Assessoria de Imprensa.