22°
Máx
17°
Min

Servidores fazem 'marmitaço' na porta do gabinete

(Foto: Divulgação) - Servidores fazem 'marmitaço' na porta do gabinete
(Foto: Divulgação)

Os servidores municipais de Maringá fizeram um ‘marmitaço’ em frente ao gabinete do prefeito Carlos Roberto Pupin (PP), nesta quinta-feira (10). Cerca de 15 trabalhadores almoçaram na sede da administração municipal e o plantão continua até que a categoria tenha uma data e um horário para ser atendida pelo chefe do Executivo.

Na manhã desta quinta-feira, membros do Sindicato dos Servidores Municipais (Sismmar) foram recebidos pelo chefe de gabinete Luiz Carlos Manzato. Ele informou que Pupin deve atendê-los na próxima semana, mas sem especificar quando.

A presidente do Sismmar, Iraídes Baptistoni, informou que os servidores vão continuar em frente ao gabinete até garantirem um horário fechado na agenda do prefeito. 

“Nós estamos com um prazo apertado porque o município tem até o dia 2 de abril para conceder o reajuste e depois chega o prazo eleitoral. Então, nós cobramos agilidade e uma resposta do prefeito."

Reivindicações

Os servidores têm uma nova proposta de reajuste salarial para o Município. Eles pedem 17,5% de aumento, sendo 11,08% da reposição da inflação e 6,42% de ganho real. Também querem vale-alimentação de R$ 350, aprovação da lei contra assédio moral, fim das terceirizações e revisão do piso dos motoristas.