21°
Máx
17°
Min

Sexta (4) terá nova reunião para discutir mais vagas em creches

Nova reunião para discutir vagas em creches ficou marcada para sexta-feira (4) (Foto: Everaldo Vianna/Rede Massa) - Sexta (4) terá nova reunião para discutir mais vagas em creches
Nova reunião para discutir vagas em creches ficou marcada para sexta-feira (4) (Foto: Everaldo Vianna/Rede Massa)

Um grupo de mães fizeram um protesto hoje (2) pela manhã contra o fechamento de vagas para crianças de 0 a 2 anos em Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) de Curitiba. Para uma das manifestantes, Cibele Santos, moradora do Sítio Cercado, a situação é caótica.

“Vai vencer a minha licença-maternidade e não tenho onde deixar meu bebê”

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba (Sismuc) foi procurado pelas mães no fim de 2015, avisando que as vagas de berçário iam ser fechados, explicou Soraya Zgoda, coordenadora de comunicação do sindicato. Atualmente, são 47 turmas de berçário fechadas, o que reduz o total  245 para 198.

 Para a próxima sexta-feira (4), ficou  marcado uma reunião das mães e Comissão de Educação da Câmara Municipal com a Secretaria Municipal de Educação (SME).

Em plenário, a superintendente da SME, Claudia Almiro, confirmou a abertura de novos CMEIS em Curitiba, com aumento de vagas para berçário. Segundo ela, é obrigação da prefeitura atender as crianças de 4 a 5 anos, “sem perder a qualidade”. No discurso, não houve a confirmação de quantas vagas seriam abertas, mas recomendou que os pais em dificuldades em conseguir vagas devem procurar as administrações regionais.

Bate-boca em plenário

Com a manifestação de mães ocorrendo do lado de fora do Legislativo, os vereadores Chicarelli (PSDC) e Felipe Braga Côrtes (PSDB) protagonizaram um bate-boca em plenário. Desde o início da semana, Chicarelli abordou o “fechamento” de vagas para crianças de 0 a 2 anos nos CMEIs. Hoje, no pequeno expediente, ele voltou ao tema que classificou de “imbecil” a decisão de alterar o número de vagas em 2016.

O debate sobre as vagas em creches acabou “misturado” ao do Fundeb, numa sessão que teve nova manifestação da Guarda Municipal e que era acompanhada por várias lideranças comunitárias – pois a Federação Comunitária das Associações de Moradores de Curitiba e Região Metropolitana (Femoclan) seria homenageada hoje, uma vez que completa 30 anos de existência em 2016.

Informações Câmara Municipal de Curitiba