22°
Máx
16°
Min

Soldado da PM acusado de executar adolescente em Sarandi é preso

Jadson José de Oliveira foi encontrado morto uma semana após o homicídio (Foto: Divulgação) - Soldado da PM acusado de executar adolescente é preso
Jadson José de Oliveira foi encontrado morto uma semana após o homicídio (Foto: Divulgação)

O soldado da Polícia Militar acusado de matar o adolescente Jadson José de Oliveira, 17 de anos, em Sarandi, foi preso. Na manhã desta sexta-feira (26), ele se encontrava detido no 4º Batalhão da Polícia Militar, suspeito de executar o garoto com tiros na nuca, no dia 10 deste mês de agosto.

A família de Jadson José de Oliveira comunicou o desaparecimento do garoto e contou que ele havia sido visto pela última vez durante uma abordagem policial, na Rua Machado de Assis, juntamente com dois amigos. Os colegas foram liberados enquanto Jadson teria sido levado na viatura.

Desesperada, a família pressionou as polícias Civil e Militar pela investigação, já acreditando na tese de execução. O adolescente possuía passagens pela polícia e teria uma rixa com o soldado acusado do crime.

A investigação ganhou força quando um dos policiais militares que participou da abordagem compareceu à Polícia Civil e denunciou o companheiro de farda, que era o comandante da viatura no dia do crime.

Ele admitiu que o garoto foi levado até uma estrada rural de Sarandi, onde ouviu dois disparos. O corpo foi escondido embaixo de entulhos e encontrado uma semana depois por um homem, que sentiu um forte cheiro no local.

Com o depoimento do denunciante, a prisão preventiva do soldado - que trabalha há seis anos na corporação - foi requerida e acatada pela Justiça.