28°
Máx
17°
Min

Suspeito de extorquir bancária é preso no Bairro Alto

(Foto: Divulgação/ Polícia Civil) - Suspeito de extorquir bancária é preso no Bairro Alto
(Foto: Divulgação/ Polícia Civil)

O suspeito de extorquir uma funcionária de um banco foi preso em flagrante, no Bairro Alto, em Curitiba. No momento da prisão, Fabrício da Silva Paes, de 30 anos, praticava a extorsão em um telefone público. Outro suspeito está foragido.

A polícia foi acionada na manhã da segunda-feira (28) pela área de segurança de uma agência bancária. A informação repassada era de que o marido de uma funcionária estava sendo feito refém por suspeitos que exigiam R$ 50 mil. O Grupo Antisequestro Tigre também foi acionado.

A vítima foi liberada uma hora depois. O homem contou aos policiais que dois homens armados o abordaram no momento em que ele chegou ao trabalho.

Os suspeitos continuaram ligando e ameaçando as vítimas, exigindo a entrega dos R$ 50 mil. No fim da tarde a polícia encontrou Paes em um telefone público no Bairro Alto, efetuando a prisão. Ele estava com duas armas que foram utilizadas no crime, uma pistola Taurus calibre 380, com numeração de série suprimida, e um revólver calibre 38.

Paes já possuía registro criminal por roubo agravado, em 2012. Se condenado, pode pegar até 21 anos de prisão.

Colaboração Louise Fiala