22°
Máx
14°
Min

Suspeito de matar deficiente físico é transferido para Ponta Grossa

Foi transferido para Ponta Grossa nesta quinta-feira (18) um dos suspeitos do latrocínio de Renato Voigt, de 43 anos, crime ocorrido em março deste ano. Willie Hidley Martins dos Santos, de 20 anos, foi preso na cidade de Itajaí (SC) e foi levado ontem para a Cadeia Pública Hildebrando de Souza.

De acordo com o delegado Fernando Jasinski, da 13ª Subdivisão Policial (13ª SDP), a transferência foi solicitada para agilizar o procedimento de investigação. Ele já foi ouvido e teria confessado a participação no crime, mas a polícia acredita que, além dele e de mais um comparsa que também foi preso, existe um terceiro suspeito de envolvimento no crime que segue foragido.

Renato era portador de deficiência física, segundo a polícia. Os suspeitos invadiram a casa e agrediram a vítima até a morte dentro da residência, na rua General Carneiro. Os bandidos fugiram com equipamentos eletrônicos.