22°
Máx
17°
Min

TCE considera irregulares contas do fundo previdenciário de Altônia

Ex-gestor do fundo municipal foi multado (Foto: Divulgação) - TCE considera irregulares contas do fundo previdenciário
Ex-gestor do fundo municipal foi multado (Foto: Divulgação)

O Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) julgou irregulares as finanças de 2013 do Fundo de Aposentadorias e Pensões dos Servidores Municipais de Altônia (Fapespal). O ex-presidente da previdência municipal, Nilson de Souza Neres, foi multado em R$ 725,48.

Os conselheiros identificaram problemas quanto à ausência de informações sobre o fundo, tanto do Certificado de Regularidade Previdenciária, que é emitido pelo Ministério da Previdência, quanto sobre o funcionamento das atividades jurídicas da entidade. 

Os conselheiros acompanharam o voto do relator Durval Amaral pela irregularidade nas contas assim como pela multa do gestor. O relator destacou que o Fapespal apresentou, em defesa, declarações referentes apenas aos serviços contábeis, mas não aos jurídicos, impossibilitando a correção. 

Colaboração TCE-PR