22°
Máx
16°
Min

Trabalhadores da saúde seguem em greve e aguardam audiência no TRT

(Foto: Sindesc) - Trabalhadores da saúde seguem em greve e aguardam audiência no TRT
(Foto: Sindesc)

Os trabalhadores de estabelecimentos de saúde em Curitiba e Região Metropolitana seguem em greve nesta quinta-feira (19). A mobilização teve início ontem, segundo o Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde de Curitiba e Região (Sindesc).

A presidente da entidade, Isabel Gonçalves, afirma houve mais adesões de trabalhadores nesta quinta. De acordo com ela, funcionários de hospitais privados também passaram a integrar a greve.

A categoria já tem uma audiência agendada para a tarde de hoje no Tribunal Regional do Trabalho (TRT) para discutir o impasse entre os sindicatos laboral e patronal. Segundo o Sindesc, a motivação para a greve está relacionada com a falta de acordo sobre o reajuste salarial e demais cláusulas da Convenção Coletiva de Trabalho. A data-base da categoria é 1º de maio.

Nesta quarta-feira, entidades relacionadas a hospitais e estabelecimentos de saúde informaram que o impacto da greve foi pequeno. "Uma adesão gradativa já era esperada. Se a situação não for resolvida na audiência, a perspectiva é de aumento na mobilização", salienta Isabel.