22°
Máx
16°
Min

Trabalhadores dos CMEIs de SJP suspendem greve

Segundo o Sinsep, mais de 500 pessoas lotaram a Plenária da Câmara Municipal de São José dos Pinhais (Foto: Divulgação/Sinsep) - Trabalhadores dos CMEIs de SJP suspendem greve
Segundo o Sinsep, mais de 500 pessoas lotaram a Plenária da Câmara Municipal de São José dos Pinhais (Foto: Divulgação/Sinsep)

Depois de uma semana do início da greve nos Centros Municipais de Educação Infantil de São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, as educadoras e atendentes decidiram suspender a paralisação na tarde desta segunda-feira (22).

Segundo o Sindicato dos Servidores Municipais de São José dos Pinhais (Sinsep), que representa a categoria, a decisão pela suspensão foi tomada em uma assembleia realizada com os trabalhadores durante uma audiência pública na Câmara Municipal de São José dos Pinhais.

Os trabalhadores criticaram a posição do prefeito do município, Luiz Carlos Setim (DEM), que, de acordo com o Sinsep, não apresentou nenhuma proposta para tentar encerrar a greve. Já o município alega que a greve é ilegal, baseado em uma liminar do Tribunal de Justiça emitida no último dia 15, e, por isso, deveria ser encerrada o quanto antes.

Agora, os trabalhadores voltam aos CMEIs, mas podem retornar com a greve na próxima sexta-feira (26), quando vai acontecer uma nova assembleia com a categoria. Segundo o Sinsep, se a Prefeitura não apresentar nenhuma proposta até lá, a paralisação pode voltar a acontecer.