24°
Máx
17°
Min

Trabalhadores municipais de SJP aprovam greve para próximo dia 17

(Foto: Divulgação/Sinsep) - Trabalhadores municipais de SJP aprovam greve para próximo dia 17
(Foto: Divulgação/Sinsep)

Os trabalhadores da Prefeitura Municipal de São José dos Pinhais decidiram realizar um dia de paralisação das unidades de trabalho do município, na próxima terça-feira (17). 

De acordo com o Sinsep, que representa a categoria, a pauta principal da mobilização é a reposição integral da inflação (9,83%) no salário dos servidores.

Segundo o Sinsep, nas negociações anteriores, a Prefeitura ofereceu 8% de reposição. “Diante da inflação acumulada em 12 meses, a proposta significa na prática encolhimento salarial”, afirmou o sindicato. 

Na negociação desta terça, a gestão ofereceu a reposição da inflação. Entretanto, os 9,83% seriam parcelados: em maio 5% e em novembro 4,83%.

A proposta de reajuste salarial foi encaminhada para a Câmara dos Vereadores de São José dos Pinhais nesta quarta-feira (11), pelo prefeito do município, Luiz Carlos Cetim (DEM). 

Na proposta, a prefeitura confirma o que foi negociado com a categoria: o pagamento irá repor a inflação, mas em duas parcelas, uma em maio, de 5% e outra em novembro, de 4,83%.   

Na Assembleia Geral, os trabalhadores demonstraram indignação com a proposta da Prefeitura e decidiram entrar em greve na próxima terça. Eles cobram a reposição integral da inflação em uma só parcela. 

A concentração da mobilização da próxima terça acontece em frente ao Paço Municipal, a partir das 8h30. Em seguida, a categoria vai até a Câmara, para pressionar os vereadores a reprovarem o parcelamento do reajuste dos servidores.

A reportagem entrou em contato com a prefeitura, que afirmou que irá se manifestar sobre a greve dos trabalhadores na manhã desta quinta-feira (12).