28°
Máx
17°
Min

UEPG oferece curso fabricação de queijos

(Foto: Divulgação) - UEPG oferece curso fabricação de queijos
(Foto: Divulgação)

A Escola Tecnológica de Leites e Queijos dos Campos Gerais (ETLQueijos), da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), está com inscrições abertas para a oitava edição do Curso de Extensão de Fabricação de Queijos. Os interessados podem se inscrever até 18 de julho preenchendo o cadastro na página da ETLQueijos . No mesmo endereço há informações sobre a programação, custo e forma de pagamento.

O coordenador da ETLQueijos, Alessandro Nogueira, comenta que a escola da UEPG é reconhecida nacional e internacionalmente pela excelência do curso, reunindo especialista da UEPG, de outras instituições e órgãos públicos e de empresas do setor leiteiro da região, além de renomados profissionais do Exterior. Entre outros temas, o curso aborda áreas da qualidade do leite e tecnologia de processamento de queijos convencionais e queijos finos, incluindo noções sobre a comercialização dos produtos.

O curso tem duração de 96 horas, divididas em oito módulos, com aulas aos sábados (manhã e tarde). A aula inaugural ocorre em 13 de agosto, com o módulo sobre ‘Qualidade de leite e fiscalização das queijarias’, ministrado pela professora Adriana Martins, do Departamento de Engenharia de Alimentos da UEPG, e Antônio Prestes, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

No encerramento, será realizado do VIII Workshop Internacional de Leite e Queijos (26/11) e a entrega de certificados.

Resultados

De acordo com o coordenador da ETLQueijos, a satisfação dos participantes das edições anteriores do curso se apresenta como um referencial da qualidade alcançada desde o início das atividades da escola.

“Podemos perceber uma melhoria na renda, tanto nos salários como da empresa, a curto prazo, além de melhor posicionamento na empresa, diversificação de produtos no laticínio; aumento e melhoria do controle de qualidade nas operações de fabricação; crescimento da produção e implantação da fábrica”, explica Nogueira.

Mauro Salvador Filho, do setor de Pesquisa e Desenvolvimento da Brasil Foods – BRF, fez o curso em 2009, de forma simultânea à sua graduação em Engenharia de Alimentos. Para ele, a certificação pela ETLQueijos proporcionou conhecimentos extras, facilitando a entrada no mercado de trabalho e uma bola colocação profissional. “Os módulos do curso abrangem formulações de diversos queijos e combinam teoria com a prática, tornando as aulas muito mais interativas”.

Para Mary Angela Gach, também ex-aluna de Engenharia de Alimentos, hoje responsável pela produção de queijos do Laticínio Anila, a participação no curso da ETLQueijos teve grande importância, pela oportunidade de trocar informações, obter mais conhecimento, estudar a área de queijos e conviver com profissionais de outras empresas e órgãos públicos.

“Consegui contribuir para a melhoria das linhas de produções de queijos, garantindo assim a qualidade de nossos produtos. Trouxe informações para os queijeiros e foi possível esclarecer dúvidas que apareciam durante a rotina de trabalho”, conta Mary.

Para a coordenação da ETLQueijos, a experiência adquirida tem contribuído com o aperfeiçoamento profissional e possibilitado interações com o setor privado, que são muito enriquecedoras para o desenvolvimento das atividades acadêmicas. “A possibilidade de troca de informações com profissionais da área e de outros segmentos tem sido muito positiva para os professores e também para os acadêmicos da UEPG que estagiam e ajudam nas atividades da Escola”, diz Alessandro Nogueira.

Ele ressalta que a infraestrutura disponível – em prédio próprio de 500 metros quadrados onde funcionam a ETLQueijos e o Centro Mesorregional de Excelência em Tecnologia do Leite – favorece ainda o desenvolvimento de projetos de pesquisa com a orientação de estudantes de graduação (iniciação científica), mestrado e doutorado. “É evidente o crescimento da área de produtos lácteos no Programa de Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia de Alimentos da UEPG”.

Colaboração Assessoria de Imprensa.