22°
Máx
16°
Min

Um dia após protesto, homem morre ao cair em cratera aberta há quase dois meses

(Foto: Alexandre/Portal Cambé) - Um dia após protesto, homem morre ao cair em cratera aberta há quase dois meses
(Foto: Alexandre/Portal Cambé)

Um homem morreu após cair em uma cratera na rua Rio Paraná, entre os jardins Santo Amaro e do Café, na manhã deste domingo (6).

A vítima, identificada no Instituto Médico Legal (IML) como Rafael Bertoso da Silva, 25 anos,  caiu de uma altura de 10 metros enquanto conduzia uma bicicleta. Segundo o Corpo de Bombeiros, a principal hipótese é de que o ciclista desconhecia a cratera, aberta no local desde as fortes chuvas registradas no norte do Paraná em 11 de janeiro.

Não havia sinalização no local.

(Foto: Alexandre/Portal Cambé)

Na tarde de sábado (5), moradores haviam feito um protesto no local, reclamando da demora na reconstrução do acesso entre os dois bairros e do risco causado pela enorme cratera. Quem passa pela rua Rio Paraná dar uma volta de cerca de três quilômetros para fazer o acesso entre o Santo Amaro e o jardim do Café.