28°
Máx
17°
Min

Unidade da Embrapa no Sudoeste começará a funcionar neste mês

(Foto: Divulgação) - Unidade da Embrapa no Sudoeste começará a funcionar neste mês
(Foto: Divulgação)

Até o final de junho a região receberá os primeiros técnicos que irão trabalhar na Embrapa do Sudoeste. A instalação da unidade será realizada no próximo dia 24 pelo presidente da empresa pública, Maurício Antonio Lopes, em evento que apresentará os novos profissionais, o modelo de transferência de tecnologia com as instituições regionais e lançará o primeiro edital para projetos de pesquisa.

“Nos últimos meses a unidade da Embrapa foi implantada e seu formato de transferência de tecnologia e instituições parceiras definido; agora ela começa a funcionar na prática, mesmo que de forma incipiente, com pessoal e recursos para pesquisa”, afirma o secretário de Desenvolvimento Rural de Francisco Beltrão, Nelcir Basso.

Denominada Unidade Mista de Pesquisa e Transferência de Tecnologia (UMIPTT), a Embrapa do Sudoeste terá o foco na agricultura familiar e será operacionalizada através dos campi de Beltrão, Dois Vizinhos e Pato Branco da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) e o do Instituto Agronômico do Paraná (Iapar). Já no evento do dia 24, que foi debatido nesta segunda-feira por representantes da UTFPR, Iapar, Amsop e Prefeitura de Beltrão, outras instituições da região também irão assinar a adesão à governança da unidade.

A unidade da região irá funcionar dentro do campus da UTFPR e já começa com R$ 600 mil garantidos através de emenda parlamentar do deputado federal Assis do Couto: os recursos serão distribuídos entre projetos de pesquisa e a construção de um espaço próprio para a UMIPTT. “Ter a Embrapa na região fortalece nossa produção agropecuária em termos qualitativos e quantitativos”, destaca o prefeito Cantelmo Neto, que já sinalizou a compra de uma área para ampliação da universidade.

Colaboração Assessoria de Imprensa.