26°
Máx
19°
Min

“A mudança ocorre tranquila, com muito diálogo, mantendo a parceria”

(Foto: Divulgação / Assessoria) - “A mudança ocorre tranquila, com muito diálogo, mantendo a parceria”
(Foto: Divulgação / Assessoria)

O tema recorrente dos questionamentos ao deputado estadual licenciado Ratinho Junior durante a coletiva de imprensa realizada no início desta tarde (10), para confirmar a mudança de partido, foi a candidatura ao governo do Estado em 2018.  Ratinho Junior, no entanto, destacou que ainda é cedo para confirmar a possível candidatura para 2018. 

“Não posso negar, nem esconder que para um homem público ser candidato ao governo do Estado é uma honra, mas esta é uma questão que precisa ser construída com muito diálogo e muito trabalho junto ao partido”, disse.

Uma possível corrida à prefeitura de Curitiba também foi bastante questionada, e com tranquilidade, ele respondeu que seria ‘audácia’ de sua parte chegar impondo condições ao partido. “Não foi desta forma que acertamos a mudança. Aliás, a conversa vem de mais de um ano e meio, e qualquer decisão será tomada pelo partido. Sem contar que temos nomes muito bons, como o deputado Ney Leprevost que tem um bom perfil para a cidade e o empresário Joel Malucelli”.

Sobre a saída do Partido Social Cristão (PSC) e a filiação ao Partido Social Democrático (PSD), ele explica que ocorreu de uma forma consciente, bem estruturada e com muito diálogo, que garantiu a continuidade da parceria com a antiga sigla. “Foram nove anos no PSC, mas chegou o momento de construir novas parcerias. Me sinto honrado com o convite do PSD, que aconteceu com o aval do partido nacional”, disse. “Saio muito feliz, porque tive a garantia do presidente nacional do PSC de que mesmo em outra sigla, vamos continuar juntos nos projetos políticos para o Estado, para as prefeituras, estruturando e construindo uma boa demanda de forma a melhorar a vida dos paranaenses”.

(Foto: Divulgação / Assessoria)

O secretário disse também que alguns deputados, cerca de seis a oito, integrantes do PSC, devem acompanhá-lo na mudança ao PSD. “Nós deixamos todos muito à vontade, conversamos sobre tudo. Alguns vêm, outros não, mas na realidade, a ideia é manter o trabalho que já estávamos desenvolvendo, inclusive a parceria com o PSC, então pouca coisa deve mudar”.

Atual secretário estadual de Desenvolvimento Urbano, Ratinho Junior destacou que deve seguir a frente da pasta. “Politicamente estou bem confortável para seguir na secretaria, até estamos lançando novos projetos de urbanização já pensando em 2017, de sustentabilidade, mobilidade urbana”, conta.

“E também estamos trabalhando forte o projeto livrar o Estado de lixões, implantando aterros modernos. O trabalho na secretaria continua”.

Sciarra

Eduardo Sciarra, presidente da executiva estadual do PSD, comentou que o partido recebe Ratinho Junior de braços abertos e que o partido ganha musculatura no Estado e também nacionalmente. “É uma grande conquista para nós termos o Ratinho Junior no PSD, ele é uma liderança no Paraná, que traz lideranças regionais importantes e nos fortalece”, enfatiza.

Colaboração Elisa Rossato/Luiz Mandelli/Rede Massa