23°
Máx
12°
Min

A poucos minutos da sessão na Câmara, deputados ensaiavam voto na tribuna

A poucos minutos do início da sessão que decidirá o futuro da presidente Dilma Rousseff, deputados usavam o tempo para ensaiar o voto da tribuna, fazer votos e gravar vídeos para o eleitorado.

"Voto a favor do impeachment porque quero um Brasil melhor, pelo futuro dos meus filhos e pela minha cidade Rio Verde", afirmou, em tom de ensaio, Heuler Cruvinel (PSD-GO). Colegas que estavam do lado dele o alertaram que ele tinha mais tempo para falar até dar os 10 segundos estipulados para cada deputado.

Hissa Abrahao (PDT-AM) gravou um vídeo em que convidava os eleitores do Estado a assistirem a cotação. O deputado foi pressionado pelos colegas a manifestar qual sua posição, mas não aceitou. "Só na hora. O meu voto é o mais esperado do Amazonas. Não vou revelar agora", afirmou.

Da tribuna, Sérgio Zveitger (PMDB-RJ) treinou o discurso pelo "sim" ao impeachment, assim como Marco Soares (DEM-RJ).