24°
Máx
17°
Min

AGU informa que Cardozo não irá mais de madrugada à comissão do impeachment

O advogado-geral da União, ministro José Eduardo Cardozo, não vai mais nesta madrugada na comissão especial da Câmara que analisa o impeachment, como tinha anunciado anteriormente. Ele iria ao final da sessão de debates para defender a presidente Dilma Rousseff. Segundo a AGU, o presidente da Comissão, deputado Rogério Rosso (PSD-DF), permitiu que ele compareça à Câmara na segunda-feira, 11.

Hoje, no início da sessão da comissão especial, Rosso tinha autorizado que a defesa da presidente Dilma Rousseff voltasse a se manifestar no plenário ao final dos debates. A reunião está prevista para acabar entre 3h e 4h.

A comissão volta a se reunir na segunda-feira, a partir das 10h. Inicialmente, deve haver encaminhamento de votações pelos líderes e deve ser permitida mais alguma manifestação de parlamentares e do ministro Cardozo. A votação mesmo só deve ter início às 17h.