26°
Máx
19°
Min

Ciclistas apresentam reivindicações aos candidatos a prefeito de Maringá

Documento contém 11 tópicos com propostas (Foto: Associação CicloNoroeste) - Ciclistas apresentam reivindicações aos candidatos a prefeito
Documento contém 11 tópicos com propostas (Foto: Associação CicloNoroeste)

A Associação Ciclo Noroeste apresenta nesta sexta-feira (16) suas reivindicações aos candidatos a prefeito de Maringá, em busca de políticas públicas que garantam a mobilidade urbana de maneira sustentável, incentivem o uso de bicicletas e ainda tragam segurança e ciclovias de qualidade para os usuários desse meio de transporte.

A entidade aderiu à campanha nacional Bicicleta nas Eleições lançada pela União de Ciclistas do Brasil. A iniciativa está disseminada pelas cidades, para chamar a atenção dos políticos sobre a necessidade de mudanças no trânsito, tanto para melhora do transporte de pessoas quanto pela preservação do meio ambiente.

Maringá tem a segunda maior frota de veículos por habitantes do Paraná, usuários do transporte coletivo insatisfeitos e ciclovias fragmentadas, algumas delas incompletas e outras com problemas de manutenção. Segundo a Secretaria Municipal de Trânsito e Segurança, a cidade conta com 400 mil bicicletas, mas poucos utilizam esse meio para se locomover efetivamente.

Por isso, a Associação Ciclo Noroeste formulou um documento com 11 propostas para os prefeitos de Maringá, entre elas a criação de um sistema cicloviário, que garanta deslocamento seguro para os usuários de bicicletas.

Outros pontos do documento são a implantação do Conselho Municipal de Transportes para incrementar a participação da sociedade civil no debate da mobilidade urbana, estacionamento para bicicletas, campanhas de educação no trânsito e orçamento para as políticas públicas necessárias.

O documento será entregue nesta sexta-feira, com o convite para que os políticos assinem e assumam o compromisso com a entidade e a sociedade civil.