26°
Máx
19°
Min

Com oito mulheres eleitas, bancada feminina é recorde na Câmara de Curitiba

(Foto: Ilustração/CMC) - Bancada feminina é recorde na Câmara de Curitiba
(Foto: Ilustração/CMC)

Oito mulheres se elegeram para a próxima legislatura da Câmara de Vereadores de Curitiba. Este é o maior número de mulheres eleitas no mesmo pleito da história da cidade. O recorde anterior havia sido registrado na legislatura de 2009/2012, com seis parlamentares. A quantidade atual são cinco mulheres.

A mais votada na eleição de 2016 foi a novata Fabiane Rosa, do PSDC, com 7.328 votos. Também são estreantes na atividade Maria Manfron, (PP), Katia dos Animais de Rua (SD), e Dra. Maria Leticia Fagundes (PV).

Permanecem na Casa as veteranas Dona Lourdes, (PSB), Professora Josete (PT), Julieta Reis (DEM) e Noemia Rocha (PMDB). “É um passo importante [ter um número maior de representantes femininas na Câmara]. Vamos tentar articular uma bancada ativa no debate das questões relacionadas às mulheres. Para mim, há ainda o debate das políticas públicas, a questão fundamental que é a fiscalização do Executivo, para cumprirmos o nosso papel como vereadores. Este é um grande desafio”, comentou Josete.

Julieta Reis também comemorou o aumento da bancada feminina. “É uma conquista, isso é fantástico. Significa que estamos avançando na nossa participação e principalmente na disponibilidade da mulher em fazer política. A visão feminina é humanista, enxerga o interesse das crianças, das pessoas, das famílias”. Para ela, ser reeleita é um reconhecimento. “Foi um trabalho exaustivo de campanha, mas valeu a pena o reconhecimento das pessoas que acreditam no meu trabalho. Vou redobrar o meu esforço para trabalhar ainda mais pela cidade”, garantiu. Da atual bancada, só não foi reeleita a vereadora Carla Pimentel (PSC).

Colaboração Câmara de Vereadores