28°
Máx
17°
Min

Comissão de Serviço Público discute regulamentação do Uber

(Foto: Divulgação) - Regulamentação do Uber deve demorar
(Foto: Divulgação)

Depois da ‘guerra’ no último fim de semana envolvendo motoristas do Uber e taxistas, os vereadores de Curitiba voltaram a discutir nesta manhã (29) o projeto que visa regulamentar os serviços oferecidos pelo aplicativo. Os taxistas reclamam que precisam pagar taxas, impostos e ainda respeitar toda a burocracia, sem contar a fiscalização do qual estão sujeitos. Para os taxistas o serviço oferecido pelo Uber é ‘pirata’.

Os problemas entre as duas categorias vêm ocorrendo com frequência e cada vez com maior violência. Relatos de ameaças, acidentes, atropelamentos e carros danificados dos dois lados, estão se tornando comuns.

A reunião da Comissão de Serviço Público, contou com a presença de taxistas e motoristas do Uber. Conforme os vereadores a proposta quer pôr fim a briga. A regulamentação obrigaria os condutores do Uber a promoverem uma adequação, cujas regras seriam semelhantes às dos táxis.

Por fim, a decisão foi por encaminhar um ofício à Urbs questionando como a Prefeitura poderá fiscalizar as regras. Como o órgão não tem prazo para enviar a resposta, o projeto fica na Comissão de Serviço Público. Depois da ‘resposta’ os vereadores terão 10 dias para emitir um novo parecer. Desta forma, por enquanto, a situação ainda segue sem definição.