22°
Máx
17°
Min

Comissão do Senado encerra fase de debates sobre o impeachment

A comissão especial do impeachment no Senado encerrou na noite desta terça-feira, 3, a fase de debates sobre o processo de afastamento da presidente Dilma Rousseff. A sessão, dedicada a ouvir convidados especialistas indicados por senadores governistas, durou quase 13 horas. Nesta quarta-feira, 4, o relator Antonio Anastasia (PSDB-MG) fará a leitura de seu relatório.

Na segunda-feira, a comissão também ouviu especialistas indicados pela acusação. Na semana anterior, o Senado havia recebido dois dos autores do pedido de impeachment, os juristas Miguel Reale Jr. e Janaína Paschoal, além da defesa da presidente, feita pelo advogado-geral da União, José Eduardo Cardozo, e pelos ministros da Fazenda, Nelson Barbosa, e da Agricultura, Kátia Abreu.

Amanhã, toda a sessão será dedicada à leitura do parecer de Anastasia, que deve indicar voto favorável ao afastamento da presidente. Mas a discussão do relatório será feita apenas na quinta-feira, 5, quando Cardozo terá outra oportunidade de defender a presidente. A votação na comissão está marcada para sexta-feira (6). Já a votação no plenário do Senado, que pode afastar por 180 dias a presidente, está prevista para o dia 11 de maio.