22°
Máx
17°
Min

Confira como deve ficar o tempo de TV dos candidatos a prefeito de Londrina

(foto: Pixabay) - Confira como deve ficar o tempo de TV dos candidatos em Londrina
(foto: Pixabay)

A Câmara dos Deputados enviou ofício ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informando o histórico da movimentação de deputados federais entre partidos políticos na atual legislatura. Os dados serão utilizados pela Justiça Eleitoral para definir a representatividade das legendas para a distribuição da propaganda no horário eleitoral gratuito no rádio e na televisão, que começa em 26 de agosto.

A reportagem do Massa News fez os cálculos e aponta uma estimativa de quanto tempo cada candidato deve ter para fazer propaganda.

Emissoras de rádio e televisão deverão reservar dois blocos de dez minutos cada, duas vezes por dia, de segunda a sábado, no caso de campanha para prefeito, já que a Reforma Eleitoral de 2015 (Lei nº 13.165) acabou com a propaganda eleitoral em bloco para vereador.

No rádio, a propaganda será transmitida das 7h às 7h10 e das 12h às 12h10. Na televisão, os candidatos vão apresentar suas propostas das 13h às 13h10 e das 20h30 às 20h40.

Critérios para distribuição

O cálculo do tempo a que cada candidato terá direito será feito pelo juiz eleitoral de cada município. Conforme prevê a Lei das Eleições (Lei nº 9.504/97), a divisão da propaganda deverá ocorrer da seguinte forma: 90% distribuídos proporcionalmente ao número de representantes que o partido tenha na Câmara dos Deputados, considerados, no caso de coligação para eleições majoritárias, o resultado da soma do número de representantes dos seis maiores partidos que a integrem e, nos casos de coligações para eleições proporcionais, o resultado da soma do número de representantes de todos os partidos que a integrem. Os outros 10% devem ser distribuídos igualitariamente.

Desta forma, a distribuição do tempo em Londrina ficaria assim*:


  • Marcelo Belinati (PP) – 3 minutos e 10 segundos
  • Valter Orsi (PSDB) – 1 minuto e 55 segundos
  • André Trindade (PPS) – 1 minuto e 11 segundos
  • Odarlone Orente (PT) – 1 minuto e 11 segundos
  • Sandra Graça (PRB) – 59 segundos
  • Luciano Odebrecht (PMN) – 23 segundos
  • Paulo Silva (PSOL) – 12 segundos
  • Flávia Romagnoli (Rede) – 11 segundos


*Os números são estimados e ainda não foram confirmados oficialmente pela Justiça Eleitoral