27°
Máx
13°
Min

Cunha diz no Twitter que seus advogados informaram o STF sobre possível ida à CCJ

O presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), voltou a utilizar o Twitter para comentar a sua ausência na sessão da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), desta quarta-feira, 6, destinada à leitura do parecer de Ronaldo Fonseca (PROS-DF).

Mais cedo, Cunha usou a rede de microblog para anunciar que não iria participar da reunião de hoje. Após a notícia de que ele chegou a comunicar o Supremo Tribunal Federal (STF) de que participaria da reunião, ele se manifestou mais uma vez para dizer que não mudou de ideia.

"Gostaria de informar também que meus advogados comunicaram previamente ao STF, na eventualidade de eu decidir pelo comparecimento. Isso não significa que tenha mudado de ideia, apenas por precaução autorizei o comunicado", declarou.

Mais cedo, Cunha informou que não compareceria à reunião de hoje, mas que pode participar das próximas sessões. Ele está sendo representado nesta quarta pelo seu advogado, Marcelo Nobre.

Na semana passada, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Teori Zavascki liberou Cunha a comparecer à Casa para fazer a própria defesa no processo que pode cassar o mandato do peemedebista. Ele manteve a proibição do parlamentar de frequentar o gabinete.