20°
Máx
14°
Min

Dilma faz viagem relâmpago e fica menos de 24 horas em Porto Alegre

A presidente Dilma Rousseff fez uma passagem relâmpago pela capital gaúcha neste fim de semana. Ela chegou no sábado, por volta do meio-dia, e deixou Porto Alegre neste domingo, pouco depois das 9 horas da manhã. Ficou, portanto, menos de 24 horas na cidade. De acordo com o Palácio do Planalto, a presidente não teve compromissos oficiais.

Hoje de manhã, antes de embarcar no avião presidencial de volta a Brasília, Dilma pedalou pelas ruas da zona sul de Porto Alegre, onde tem apartamento. Como de costume, ela estava acompanhada de seguranças.

No fim de semana passada, Dilma também esteve na capital gaúcha para passar o feriado prolongado de Páscoa ao lado da filha, Paula Araújo, e dos dois netos - Gabriel, de 5 anos, e Guilherme, que nasceu em janeiro. Desde o nascimento do neto mais novo, Dilma tem intensificado as visitas à família no Rio Grande do Sul. Quando está na cidade, ela também costuma ver o ex-marido, Carlos Araújo, considerado seu conselheiro político informal.

A presidente terá uma semana decisiva em Brasília. Nesta segunda-feira termina o prazo para a apresentação da defesa de Dilma na comissão de impeachment. O advogado-geral da União, ministro José Eduardo Cardozo, vai protocolar a defesa às 16h30 e, na sequência, deve fazer a sustentação oral aos parlamentares, detalhando os argumentos.

Dilma passará o dia reunida com o núcleo duro do governo no Palácio do Planalto. Na agenda da presidente desta segunda-feira, por enquanto consta um encontro com o ministro da Secretaria de Governo, Ricardo Berzoini, às 10 horas, e outro com o ministro-chefe do Gabinete da Presidência, Jaques Wagner, às 15 horas.