27°
Máx
13°
Min

Dos 249 inscritos para discursar no sábado, 170 são pró e 79 contra impeachment

(Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil) - Dos 249 inscritos para discursar no sábado, 170 são pró e 79 contra impeachment
(Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Foram encerradas as inscrições individuais para discutir o pedido de impeachment da Dilma Rousseff na sessão da Câmara dos Deputados deste sábado, 16. Dos 249 parlamentares que pediram para falar, 170 são favoráveis ao afastamento da presidente Dilma Rousseff e apenas 79 são contra.

No sábado, os deputados inscritos terão três minutos cada para falar, totalizando aproximadamente 13 horas de discursos. A Secretaria-Geral da Mesa estima que haverá três sessões extraordinárias, entre 11h de sábado e 2h da madrugada de domingo. É possível que não haja tempo para todos falarem.

Em sessão mais esvaziada do que em dias normais de votação, os parlamentares da Casa usam na tarde desta sexta-feira o tempo de uma hora por partido para expor a opinião da bancada sobre o impeachment. Até agora, representantes do PMDB, do governo, do PSDB, do PV e do PSD já utilizaram parte do tempo dos líderes.

Os deputados acreditam que a sessão no plenário só deve voltar a encher no Domingo. No cronograma, a partir das 14 horas acontecerá a sessão de votação do parecer. O relator Jovair Arantes (PTB-GO) terá 25 minutos para se pronunciar e os líderes falarão novamente em seguida. O início da votação está previsto para as 15h, e cada deputado terá apenas 10 segundos para manifestar o seu voto ao microfone.