21°
Máx
17°
Min

Dr. Kosmos cita “cabeça de gestor e coração de médico” para Palmas

(Foto: Divulgação) - Dr. Kosmos cita “cabeça de gestor e coração de médico” para Palmas
(Foto: Divulgação)

Ações imediatas na saúde pública deverão ser os primeiros atos do prefeito eleito de Palmas, Kosmos Panayotis Nicolaou, o Dr. Kosmos (PEN). Conforme ele, com uma campanha limpa, ele chega à prefeitura pela vontade dos eleitores, “numa vitória do povo palmense”.

Rebateu as críticas dos adversários sobre seu plano de governo, principalmente sobre a construção de uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA). “Quando se fazia um colégio de R$ 3 milhões, ninguém dizia que era mirabolante. Agora, você vai construir uma UPA de R$ 2 milhões, R$ 3 milhões, dizem que é mirabolante”, disparou.

Falando sobre o seu modo de governar, Kosmos coloca a sua profissão, a Medicina, como ponto preponderante para a administração, “com a cabeça do gestor, mas o coração do médico junto”, anunciando que dedicará de forma integral os quatro anos de seu mandato para o comando do Executivo. “Vou fechar meu consultório. Vou trabalhar exclusivamente na Prefeitura”, declarou.

Mesmo com uma coligação ampla, no Legislativo seus partidos apoiadores conseguiram cinco cadeiras, contra oito vereadores eleitos por partidos que apoiaram candidaturas adversárias.

Colaboração portal RBJ.