22°
Máx
14°
Min

Educadores pedem 'Fora Temer' em evento com Doria

O candidato do PSDB à Prefeitura de São Paulo, João Doria, foi recebido com vaias e gritos de "Fora Temer" em um congresso de servidores do Sindicato de Especialistas em Educação de São Paulo nesta quinta-feira, 25.

Após fazer um rápido discurso, porém, ele foi aplaudido por parte da plateia. Quando desceu do palco e dirigiu-se ao elevador para ir embora, o tucano foi seguido e hostilizado por uma servidora, que o chamou de "golpista". Segundo dirigentes da categoria, a servidora se chama Soraia Zanzine e seria militante do PT.

Debate

Ao chegar no local do evento, o candidato encontrou a deputada Luiza Erundina, candidata do PSOL, que estava acompanhada de seu vice, Ivan Valente, e alguns militantes. Eles conversaram enquanto o prefeito Fernando Haddad discursava.

O grupo aproveitou a oportunidade para pedir a Doria que aceite a participação de Erundina dos debates na TV. Pela nova regra eleitoral, as emissoras tem obrigação de convidar apenas candidatos de partidos que tenham bancadas superiores a nove deputados.

Os demais casos dependem da aprovação da maioria dos postulantes. "Sou a favor da participação de todos os candidatos nos debates. Não há razão para excluir o Ricardo Young", disse ele. "Vai ser bom pra vocês e para a democracia se vocês explicarem isso para o povo", respondeu Ivan Valente.